ALTERNATIVAS INTERESSANTES

segunda-feira, 13 de agosto de 2012

DESCOMPLICANDO A VIDA


Acredito muito nos sinais que o Universo nos envia e procuro estar atenta a todos, embora nem sempre consiga entendê-los. Mas, o importante é refletir.

Passei um final de semana diferente, com pessoas que não conhecia em um lugar belíssimo e com ótimas energias. Encontro de famílias que se curzaram a partir de um roteiro amoroso escrito no livro da vida. O tempo passou depressa ficamos com gostinho de quero mais. E um desejo: que esta história de amor tenha fortes raízes e muitos frutos.

Porém, a reflexão não é sobre este enredo e seus personagens, mas sobre como escolhemos viver.

Há quem pague preços altíssimos, inclusive com a própria saúde, porque valoriza mais o ter. Tudo gira em torno de aparências: o físico, o social, o material. Preciso disto, daquilo, quero, vou fazer, vou comprar, fiz, comprei... quero mais! E sempre mais!

Entretanto, outros vivem o que são. E são felizes!

Aí vem o choque. Convivência entre eu tenho e eu sou.

As cobranças, os julgamentos, as expectativas, as invasões acabam tornando a vida em sociedade um fardo pesado para algumas pessoas. E tudo se complica.

Por que não aceitar e respeitar cada um como ser único, com seu EGO e sua ALMA?

Projetar nossos sonhos e desejos em outrém, nos torna frustrados e infelizes. É preciso conhecer, entender e praticar o amor incondicional; fazer a vida valer a pena pelo que ela é.

Valorizar mais a casa que a convivência, a refeição que o encontro, a aparência que a essência é um erro que muitos vêm cometendo há séculos. E aí se perde o amor fraterno, verdadeiro e se dá lugar para o individualismo e o egoísmo, fortalecendo o vazio escuro e gelado no íntimo destes seres cuja vida se torna vazia, escura e gelada sem que eles entendam o verdadeiro porquê.

Muitas vezes sentimos saudades de quem já partiu e não poderá mais conviver conosco, e nos fortalecemos nas lembranças dos momentos bem vividos, cheios de alegria, carinho e amor.

Que tal enterrar velhas mágoas e resgatar o convívio entre amigos e familiares que foram deixados pra trás por um ou outro motivo que não vale nem a lembrança?

Que tal descomplicar a vida?

Que tal viver e SER FELIZ?

Evelize Salgado

5 comentários:

Massagem ao Alcance de Todos disse...

Bah Eve, isso aconteceu comigo nesse feriado, por demias que extenso, até postei umtextiho no face, que traduz exatamente isso, larguei pro universo e ele me presenteou!!! Feliz aniver atrasado querida Mestra!! Bjinhus Muita saude e paz e que os Mestres sempre a abençoem...

Massagem ao Alcance de Todos disse...

Bah Eve, foi isso que aconteceu comigo neste feriado. Larguei pro Universo e ele me presenteou com reencontro de familiares maternos, dos quais eu nem sabia da existencia! Até fiz um textinho no meu face, pra explicar isso. Te desejo um niver (atrasado) de muita saude, paz, e realizações nas Bençãos dos nossos Mestres... Parabéns querida Mestra e amiga... bjs

EVELIZE SALGADO disse...

Minha linda, obrigada!!!!
è muito bom quando podemos contar com a ajuda do Universo, né????? Pois é assim, basta fazermos a nossa parte.
Bjooooooooo e muito sucesso pra ti.

Walter Sasso disse...

Gostei muito do seu texto. Parabéns pelo blog. Sou professor de Tai chi em São Paulo. O tai chi chuan oferece beleza, disposição, saúde e equilíbrio como reflexos da harmonia interior.
Blog: http://digitetaichi.blogspot.com

EVELIZE SALGADO disse...

Legal, Walter!!!! Acredito ser este o caminho. Muita luz no teu trilhar!